sexta-feira, 29 de julho de 2016

3 anos do Blog e...

Pessoas!! 

Dia 17 passado, o blog completou 3 anos e eu nem percebi!!

Em primeiro lugar, meu muito obrigada a todos os que, mesmo com minha ausência, se sentiram confortáveis e se mantiveram visitantes constantes!

Acho que essa coisa de não comemorar eventos de calendário está saindo do controle!!! Por um lado, acho bacana essa coisa de estar desprendida de conceitos populares, sociais e de mercados, mas ainda acredito que existem coisas que merecem ser comemoradas! 

Realmente estou muito feliz por estar mantendo esse blog, mas, mesmo tendo reduzido o numero de postagens, a razão pela qual ele foi criado, permanece bem viva dentro de mim. 

Foram 3 anos de desapegos materiais, emocionais, pessoais, profissionais, enfim, desapegos em todas as áreas e aspéctos da minha vida, uns mais efetivos que outros, mas que sempre se mantem parte de minha rotina.

Para quem entou nessa vida, entende que é uma mudança que requer tempo, disposição, compomisso consigo mesma. Ele demora, pois cada vez que saimos de nossa zona de conforto, leva um tempo para nos adaptarmos as novas mudanças até que essas, por sua vez, se tornem nossa nova zona de conforto, e consigamos nos aventurar e mudar novamente.

Ontem, foi dia de desabafos e conversa bem profunda entre meu marido e eu. Ambos temos andado descontentes com algumas coisas relacionadas a questão profissional. Estamos nos sentindo esgotados, sem reconhecimento, o que nos frustra, pois, justamente agora que temos menos "coisas" materiais para nos preocupar, já tem um tempo que nosso tempo para curtir a nós mesmos ficou escasso. 

Parece que chegamos no fundo do poço, pois eexistem outras questões que se somam, mas nem convém comentar por aqui. O lado bom, é que se chegamos no fundo do poço, agora é levantar e começar a subir para sair dele. O lado excelente é que o sentimento é mútuo, ou seja, ambos queremos estar com o outro, com nosso pequeno, o amor permanece. 

Na minha Bucket list, tem várias coisas que eu gostaria de alcançar, mas tem uma em especial, e que não listei e que consideramos ser o último grande objetivo que ainda não alcançamos desde que ficamos juntos, a onze anos atras. 

Começo a achar que talvez esse descontentamento todo seja sinal de que, finalmente, esse ítem será riscado da nossa lista, afinal, quando estamos descontentes com alguma coisa ou com uma dada situação, ou você muda ou as circunstâncias se tonarão tão insuportáveis que a mudança será inevitável, pois o universo sempre te dará aquilo que você quer! Que assim seja!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo interesse e pelo comentário!